Energo Butticulum Sigilum – O sigilo para baterias mágicas


(ou ainda Energo Crystallum Sigilium) A maioria dos bruxos tem algum tipo de recurso para se valer dele como reservatório de energia para emergências ou uso eventual. O sigilo que me refiro é uma sintetização de um cristal estilizado que por equivalência pictórica já reserva energia em si, é para na verdade carregar os utensílios, ou mesmo dar uma força extra nas baterias. Tecnicamente é uma bateria para baterias. Podes ser utilizado indiretamente sobre seus itens que usa como bateria ou diretamente, extraindo dele. O nome do sigilo pode ser traduzido como O sigilo da botija de energia. Simplifiquei o conjunto de símbolos para ficar o mais neutro possível, podendo ser modificado adicionando assinaturas e outros símbolos de vinculo às suas deidades preferidas. O sigilo resgata energia do centro criativo infinito, filtrando por sete símbolos planetários (que podem ser usado para equivalências planetária com deidades) se dividindo em dois fluxos: o de energia biológico-física- e energia magica-espiritual. Como usar o máximo do sigilo? Itens: • 9 velas: vermelha, laranja, amarela, verde, azul, lilás e violeta, mais uma preta e uma branca • Incenso de ativação de energia como canela e flor de laranjeira (podendo adicionar qualquer outro que seja energético) • Musica que ative energia (pode ser qualquer uma, mesmo instrumental, desde que não seja nada monótono) • Cristal de quartzo ou cristal de rocha, limpos e pré-energizados (solar e lunar) • Envelope de carta preto Opcional: • Indumentária, itens básicos de magia de uso próprio. Método: • O método básico pode ser considerado simples, não havendo necessidade de conhecimentos complexos, visto que estamos apenas trabalhando direcionamento de energia . • Coloque o sigilo para captar energia da sua luz mais forte, e do sol pela manha seguinte. • Faça um circulo com as velas na ordem que foram descritas anteriormente. Quanto a preta, coloque-a acima do sigilo e a branca abaixo. • Coloque o cristal ENERGIZADO próximo ao sigilo. Não use em hipótese alguma cristal descarregado ou que tenham absorvido energias malignas. • É permitido entoar a conjuração de energização provinda de sua deidade preferida se achar melhor, nesse momento. • Acenda todas as velas a partir da vermelha, terminando na violeta. Em seguida, a preta e depois a branca. • Acenda o incenso e se preferir a musica • Mentaliza um vortex no centro do sigilo, absolvendo as sete cores de luz do espectro. Como se a luz tivesse se tornado agua e estive escoando num ralo para dentro do sigilo. • Ao se apagarem as velas, e caso não vá utilizar o sigilo em seguida guarde-o num envelope preto. O melhor é utiliza-lo rapidamente. Meios de uso: Você pode incinera-lo logo abaixo a sua bateria física, deixando que ela se envolva com a fumaça. Também é possível acoplar o sigilo dentro de itens, como capas de grimorios, cabos de varinhas e outros ou mesmo revitalizar a energia no próprio bruxo caso estejam se exaurindo por atividades ininterruptas. O intuito é adicionar energia extra nas baterias que você já possui. A energia da magia é entre tantas formas, um fluxo energético de transformação. Use essa energia com sabedoria. E não se esqueça: tão importante quanto a bravura num intento que exige esforço ininterrupto, é o descanso para repor as próprias energias.

#BateriasMágicas #Sigilos #Kaos

© 2020

Arte, Magia & Liberdade 

Criado por Lua Valentia 

  • clube de autores
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
  • SoundCloud ícone social
  • Spotify ícone social