Cidade Azul e Magia de Prosperidade


Parte 4 da série Contos Octarinos: hipersigilo em histórias curtas mesclando ocultismo, ficção e visão pessoal. Parte 1: A Bolha Octarina Parte 2: Cidade Vermelha Parte 3: Cidade Laranja É um tour pelas cores da magia do caos, segundo sistematização de Peter J. Caroll. Aqui eu trago minhas elaborações pessoais a respeito desse estudo ao longo da trama. É a minha visão, que você pode ou não se identificar e adaptar às suas práticas, faça o que for melhor pra você. Se você quer entender mais sobre o assunto recomendo os textos e livros da Penumbra Livros, o link está ao final dos textos. Espero que gostem!! DIÁRIO MÁGICO

Quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Nesta madrugada eu visitei a Cidade Azul em sonhos, acompanhada de O. Fiquei encantada!! O lugar é lindo, os magis azuis inspiram confiança e segurança! Magis é como são chamados os habitantes das cidades coloridas, eles trazem a cor correspondente no nome. Magis azuis possuem a chamada "Consciência do Dinheiro" e por isso são muito prósperos em tudo que fazem, eu logo pedi algumas dicas.

Acabei descobrindo que eu tinha essa consciência latente em mim (todos temos) e só precisava desenvolver. Essa seria a melhor forma de obter mais dinheiro e prosperidade em geral. Abaixo está um trecho da prova que fiz para o treinamento de magia azul, após uma extensa aula teórica no Centro de Treinamento do Instituto Júpiter:

Faça um resumo do seu entendimento acerca do dinheiro e magia azul:

Aonde eu vivo, muitas pessoas percebem o dinheiro como o inimigo, o causador de guerras, desigualdades e uma infinidade de problemas. Cada um escolhe acreditar no que quiser, pra mim isso não faz o menor sentido pois o que causa todas estas coisas são os próprios humanos, suas partes obscuras, desconhecidas. É importante descontruir qualquer preconceito com relação à dinheiro no trabalho com magia azul. Desejar sucesso é saudável e nos coloca num caminho constante de auto aperfeiçoamento. O dinheiro não é ruim, não é o mal da humanidade. A falta de consciência sim é muito nociva! Outro ponto é que quando falamos em dinheiro, estamos nos referindo à experiência. Queremos experienciar lugares, situações, cheiros, sabores e o dinheiro é a porta de entrada para a maioria destas coisas. Lógico que muitas coisas ele não compra, de qualquer forma, alguém que é feliz vivendo uma vida plenamente espiritual desapegado da vida material é tão próspero quanto alguém que é feliz com todos os seus objetos caros conquistados com seu esforço. Ambos tiveram sucesso em suas metas! E acho que esse é o ponto principal. A magia azul não lida apenas com a questão da riqueza financeira, mas do sucesso, ainda que este seja desapegado de valores materiais. O quanto de experiências que gostaria de viver você realmente está vivendo? Este é o índice de sucesso e prosperidade. Se este índice está baixo, cabe avaliar: O que é preciso fazer para aumentá-lo? Quais são os obstáculos, o que me impede? Apesar de ser parte da magia azul, eu particularmente identifiquei o dinheiro com características bastante mercuriais e portanto laranja na minha representação, sendo o azul muito mais relacionado com o aspecto da programação que existe por trás de alguém próspero, ou seja, quais são as configurações, os parâmetros envolvidos. Note que todos estes conceitos podem ser quantificados. Isso tudo me remeteu bastante à PNL, onde buscamos construir um mapa mental que esteja adequado com nossos objetivos para termos mais sucesso e reduzirmos mecanismos de auto sabotagem. O dinheiro possui um espirito e este é apreciador de movimento. Dinheiro parado não realiza sua missão de agregar em experiência, dinheiro parado não tem valor, não tem utilidade, a menos que você seja um colecionador de dinheiro. Lógico que economizar em prol de um objetivo é super válido, quando eu falo sobre dinheiro parado, me refiro à atitudes mesquinhas. Uma casa bem estruturada, que lhe seja confortável tem valor e esta é comprada com dinheiro (ou ganhada em sorteios, heranças, coisas do tipo, independente disso, o dinheiro está sempre relacionado) Dinheiro desperdiçado também não está feliz, não está executando sua missão de maneira recompensadora, sua vida em si é um desperdício. O dinheiro quer ser investido! Mas é importante não se tornar escravo dele e se manter no controle da situação, você irá investi-lo, sim, em troca de experiências maravilhosas na sua vida que podem incluir ganhar muito mais dinheiro.

De que forma posso trabalhar minha Consciência do Dinheiro?

É interessante procurar ver tudo como um investimento. Quando gasto eu procuro pensar: em que estou investindo? Alimento para ter energia para trabalhar, ganhar mais e assim poder continuar investindo, lazer para aliviar a tensão e garantir que minha criatividade seja reciclada, dessa forma, serei mais produtiva. É um exercício constante! Essa é uma preferência minha, mesmo antes de trabalhar conscientemente com esse tipo de magia eu já adotava essa postura simplesmente porque acho divertido e me faz bem!

Cite experiências significativas que você já teve com o dinheiro na sua prática mágica:

Quando eu era bem mais nova, fiel seguidora da Lei da Atração (não mais) imprimi uma nota de 100 reais e deixei na carteira com a intenção de atrair aquela quantia. Eu também costumava gastar sem culpa com coisas que me faziam feliz (comida). Sim, meus horários de almoço eram rituais de magia azul e eu nem sabia. Eu sentia o prazer de usar meus recursos financeiros para sentir aquele sabor maravilhoso de queijo derretido, mais ainda por que aquele era o meu dinheiro, minha conquista! Eu impregnava os alimentos com "energia positiva", a forma como eu via na época, hoje acho "energia de vontade ou intenção" muito mais adequado. Mais tarde me deparei com esta técnica no livro "O Caminho do Adepto" de Franz Bardon. Eu imaginava que aquela energia emanada era tão radiante que o universo ficaria feliz e me mandaria mais daquela experiência pra eu continuar irradiando felicidade. Típico de sagitário, signo regido por Júpiter e considerado o sortudo do zodíaco. O que eu realmente quero dizer é que, passado umas 2 semanas com uma nota de 100 reais falsa na carteira, eu cheguei no escritório e minha chefe me disse: "Fulana mandou um presente para você, de gratificação" Eu sabia que era meus 100 reais e realmente era! Ainda ganhei um chocotone da cacau show!!

Esse foi um trecho da prova, estou feliz pois fui aprovada!!. Eu imagino que este seja o nível iniciante e por isso não estou achando tão difícil. Me recomendaram a leitura do livro: "Money Magic" do Frater U D, um livro em inglês. Também ganhei uma bolsa azul decorada com cristais preciosos da Montanha de Preciosidades para representar a presença da energia azul em minha vida. Aqui estão algumas fotos que eu consegui trazer da Cidade Azul, usei um conversor de imagem especial para transformar a imagem astral em real.

Centro de Treinamento - Instituto Júpiter

O conhecimento é uma forma de riqueza e um meio para se obtê-la em sua manifestação material, por isso é muito valorizado na Cidade Azul.

Este é o Centro Comercial e Empresarial. Área mais movimentada da cidade

Este farol é na verdade um templo. Os magis azuis vão lá para conectarem-se diretamente com a Consciência do Dinheiro após o treinamento téorico. Eles estão sempre se atualizando.

Montanhas de Preciosidades Os magis azuis gostam de ir para lá escavar em busca de cristais preciosos que ficam camuflados na própria montanha. Eles se divertem muito com isso!

Achei próspero!!

Alguns trechos foram inspirados no texto sobre magia azul da Penumbra Livros, leia completo aqui.

#popmagick #Contos #contosoctarinos #magiaazul #MagiadoCaos

© 2020

Arte, Magia & Liberdade 

Criado por Lua Valentia 

  • clube de autores
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
  • SoundCloud ícone social
  • Spotify ícone social