top of page

Kardecismo e Specula: Um Estudo Comparativo das Diferenças Fundamentais

Embora ambas as filosofias/escolas tratem de questões relacionadas ao mundo espiritual e ao ocultismo, o Kardecismo e a Specula diferem significativamente em suas abordagens, práticas e crenças fundamentais.


Origens e Influências

Kardecismo:

Também conhecido como Espiritismo, o Kardecismo nasceu na França do século XIX pelas mãos de Allan Kardec. Ele mescla filosofia, ciência e moralidade para criar um sistema espiritual coeso que investiga as relações entre o mundo físico e o mundo espiritual, frequentemente através do diálogo mediúnico com espíritos desencarnados.

Specula:

A Specula é uma abordagem fortemente ancorada nos estudos ocultistas. Ela incorpora elementos de várias tradições mágickas e espirituais, focando principalmente em entidades astrais e um reino astral conhecido como Liran Van Garden. Diversas casas dentro da Specula são especializadas em diferentes tipos de magia, como tecnomagia e alquimia.


Conceito de Espírito

Kardecismo:

O Kardecismo enxerga o espírito como uma entidade imortal que evolui através de sucessivas reencarnações. O objetivo é alcançar estados mais elevados de moralidade e sabedoria, progredindo gradualmente através de diferentes níveis de existência espiritual.

Specula:

No sistema Specula, o espírito, ou Sah, é também uma entidade multidimensional capaz de reencarnação, mas a encarnação é uma escolha e não há o conceito de "karma". O foco do espírito está mais voltado para a manifestação de sua Verdadeira Vontade e na experiência de estados gnósticos de consciência, que servem como portais para outras realidades e dimensões.


Objetivo do Espírito

Kardecismo:

O objetivo último do espírito no Kardecismo é a unificação com o Deus criador, alcançando um estado de pura divindade e conhecimento.

Specula:

Em contraste, na Specula, o objetivo é descobrir e manifestar a Vontade Verdadeira, que é tanto uma missão de vida quanto um objetivo espiritual maior. O Erox (praticante iniciado na Specula) é visto como uma "deidade em treinamento", com a missão de manifestar sua Vontade no universo.


Mundo Astral

Kardecismo:

No Kardecismo, o mundo astral é visto como um plano de existência que funciona como um "entreposto" entre encarnações. É um espaço onde os espíritos podem aprender, descansar e se preparar para a próxima jornada terrena.

Specula:

Para a Specula, o mundo astral é um espaço diversificado, repleto de reinos e culturas. O espírito pode explorar o mundo astral e criar a sua própria realidade. Magia existe e é mais fácil de praticar no mundo astral. O espírito pode explorar o multiverso e aventurar-se nos mais diversos planetas e galáxias. É possível aprender sobre magia, cultura, política e relações internacionais nas universidades astrais, como a Universidade Royal. Tanto o sexo astral como o alimento astral são sagrados para a Specula e não são considerados "densos" e nem "impuros". Os espíritos não precisam ir ao banheiro porque seus "orgãos astrais" transmutam o alimento. Não há impurezas no alimento astral que precisem ser eliminadas. Entenda a fisiologia do espírito clicando aqui: https://www.specula.com.br/post/a-fisiologia-e-a-anatomia-do-esp%C3%ADrito-o-sexo-e-as-necessidades-fisiol%C3%B3gicas-no-astral


Práticas e Rituais

Kardecismo:

As práticas incluem mediunidade, estudos morais e éticos, e comunicação com o mundo espiritual para fins de crescimento pessoal e coletivo.

Specula

As práticas são vastamente diversificadas, incluindo trabalhos de sombra, rituais sexuais mágickos, e o uso de tecnologia (tecnomagia). O foco é muitas vezes mais experimental e personalizado, adaptando-se à Vontade do praticante.


Relação com o Mundo Físico

Kardecismo:

Tem um foco mais acentuado na moral e na ética, frequentemente desencorajando práticas mágickas que buscam alterar o mundo físico. Há uma distinção clara entre o mundo espiritual e o mundo físico.

Specula:

Acredita que a vida na Terra é um reflexo da vida no astral. Portanto, alterações no mundo astral podem ter efeitos no mundo físico e vice-versa. O Erox deve praticar a magia para manifestar a sua Verdadeira Vontade.


Deidades

Kardecismo:

No Kardecismo, a figura de Deus é monoteísta e absoluta, um Criador supremo e benevolente que é a fonte de toda a vida e ordem no universo. Jesus Cristo é frequentemente considerado como um espírito extremamente evoluído, um "mestre" que serve como exemplo de moralidade e elevação espiritual. No entanto, não se foca tanto em múltiplas deidades; a ênfase é mais na relação entre os espíritos e Deus, e no desenvolvimento moral e espiritual através da reencarnação.

Specula:

Na Specula, a divindade é vista de forma muito mais plural e fluida. Jesus é reconhecido como uma divindade, mas ele é apenas uma entre muitas. A Specula é inclusiva de uma vasta gama de deidades pagãs e práticas ocultistas, refletindo seu fundamento na Magia do Caos. Além disso, a Specula possui uma visão muito empoderada do indivíduo como "deidade em treinamento". Cada Erox (praticante) é encorajado a descobrir sua Vontade Verdadeira e trabalhar para manifestá-la, com o objetivo eventual de se tornar uma divindade autônoma capaz de criar sua própria realidade.

Neste sentido, enquanto o Kardecismo é mais hierárquico e centrado em um único Deus Criador, a Specula oferece um paradigma muito mais democrático e pluralista da divindade. Em Specula, a divindade não é apenas algo a ser adorado ou buscado, mas algo a ser alcançado e manifestado por cada Erox.

Isso abre caminho para uma ampla gama de práticas ritualísticas e mágickas, permitindo aos Erox trabalhar com diferentes deidades e sistemas de crença de uma forma muito mais flexível e personalizada.

Assim, essas duas abordagens oferecem visões muito diferentes da divindade e do papel do indivíduo na estrutura maior do universo espiritual.


Abordagem Ecológica e Feminina

Kardecismo:

Embora algumas correntes do Espiritismo possam abordar a ecologia e o feminino, não são temas centrais.

Specula:

A Corrente 108 em Specula é dedicada à ecologia espiritual e ao Sagrado Feminino, dando importância a essas dimensões dentro do sistema mágicko.


Conclusão

O Kardecismo e a Specula oferecem diferentes caminhos para a exploração e o entendimento do mundo espiritual. O Kardecismo é mais conservador e focado na moral, na ética, e na evolução espiritual através da reencarnação. A Specula, por outro lado, é um sistema mais experimental que incorpora diversos elementos, incluindo magia sexual, tecnomagia e foco na manifestação da Vontade. Ambos têm seus próprios méritos e desafios, e podem atrair indivíduos com diferentes necessidades e interesses espirituais.

Comments


© Copyright
bottom of page