Magia tecnológica e cibermancia - um paradigma moderno de feitiçaria

Este artigo foi publicado em inglês pelo SpiritMonkey e traduzido por Lua Valentia


Techno/Cyber ​​Magick

Uma forma mais recente de arte mágica entrou em cena e está se tornando cada vez mais predominante. Este ofício é conhecido por vários nomes, mas é mais conhecido como cyber/ tecnomagick/mancy. Para este artigo, ele será simplesmente chamado de tecnomagia. Diferentes reivindicações quanto à origem deste ofício foram feitas, sendo a mais comum a Bruxaria e a Magia do Caos, no entanto, a tecnociência é praticada por praticantes de muitas escolas diferentes e, portanto, não se limita a nenhuma escola particular de magia. Tecnomagia, como o nome sugere, é o uso da tecnologia em uma embarcação mágica. Como a nave é relativamente nova, não existe um sistema definido, mas é gratuito e evolui rapidamente. Neste artigo, alguns aspectos e usos da cibermagia serão discutidos em termos de como a comunidade mágicka a tem usado. Isso não deve ser confundido com o "Modelo de Informação da Magia Cibernética", conforme descrito por vários profissionais, incluindo Frater U.D. em 'Alta Magia', onde a força universal da energia mágica é descrita como dados ou informações que podem ser programadas. Em vez disso, este artigo discute o uso e a aplicação da tecnologia.


Na era moderna, o uso da tecnologia está crescendo apenas, tornou-se parte da vida cotidiana há muitos anos e abrange múltiplas facetas. Pelo menos em partes do mundo onde a tecnologia é comum. Para muitos, é difícil o suficiente acompanhar as tendências e o ritmo da evolução tecnológica. Quando isso é associado à tecnomagia, fica claro que esta nave não ficará estagnada tão cedo e como todas as formas de existência continuarão a evoluir. Esse é um conceito empolgante para as gerações geralmente mais jovens que cresceram com a tecnologia disponível, especialmente aquelas que foram levadas a acreditar que espiritualidade e tecnologia não podem ser reconciliadas. Forçados a acreditar que qualquer verdadeiro praticante de artes mágickas precisa se isolar da sociedade e simplesmente entrar no deserto para meditar por anos a fio antes que o progresso possa ser feito, no caso mais extremo. Isso claramente não é verdade se olharmos para as tendências de como a tecnologia foi capaz de espalhar a sabedoria espiritual e mágica. Na era moderna, qualquer grimório, tomo ou exercício está a um clique de distância, enquanto no passado os viajantes passavam anos viajando de um lugar para outro para aprender um pouco de cada vez.


O uso da tecnologia na prática mágicka ocorre de muitas formas diferentes, enquanto muitos praticantes continuam avançando e adicionando novas maneiras interessantes de usá-la. Além do uso típico da tecnologia como um depósito de informações mágicas e usado como um diário ou livro digital das sombras, muitos também usam a tecnologia como uma ferramenta para adivinhação, lançamento de feitiços, lançamento coletivo de feitiços, exibir símbolos de poder ou sigilos, e muito mais. Isso apenas arranha a superfície quanto aos possíveis usos mágickos. Como método de adivinhação, por exemplo, o praticante pode ser atraído para certas partes desta web, clicando intuitivamente nos links. Como em todas as formas de adivinhação, a interpretação e a orientação são fornecidas pela intuição, "corpo espiritual" ou "eu superior". Quanto à canalização de informações de dentro ou de fora, a digitação automática pode ser utilizada, assim como a escrita automática há muitos anos. São as mesmas forças e capacidades da energia mágicka que são simplesmente transferidas para um novo paradigma de ferramentas. Para o praticante que cresceu próximo à tecnologia e à Internet, será fácil ver como essas ferramentas podem ser aproveitadas na prática mágica. No entanto, se o praticante não é muito eficiente com a tecnologia e, na maioria das vezes, tenta evitar usá-la, então claramente outros métodos, meios e ferramentas são mais eficazes em seu trabalho de feitiço. A seguir, alguns exemplos de maneiras pelas quais a tecnologia pode ser usada para a prática mágicka. As maneiras exatas de entrar nos estados mentais aplicáveis ​​e de usar a intuição não serão discutidas aqui.


Exemplos de Tecnomagia

Livro Digital das Sombras, Diário dos Sonhos, Biblioteca do Misticismo

Digitação automática

Adivinhação

Feitiçaria Digital.

Sigilos e símbolos

Ritual Global


Livro Digital das Sombras e Diário dos Sonhos e Biblioteca do Misticismo

O primeiro exemplo de como a tecnomagia pode ser utilizada é através do livro digital das sombras, Diário dos Sonhos e Biblioteca de Misticismo. Na maioria das escolas e práticas esotéricas, é necessário manter um diário para documentar qualquer trabalho de feitiço ou prática mágica que o praticante conduz. Isso é feito para registrar posteriormente o resultado do feitiço e fornece uma ótima visão de onde as alterações serão feitas no futuro. Frequentemente, esses diários são separados em vários livros, por exemplo, artesanato, diário de sonhos, espelhos de personalidade, etc. O mundo tecnológico fornece uma maneira conveniente de registrar esses encontros. Isso pode ser feito simplesmente criando documentos em uma pasta aplicável ao tipo de diário que é, ou pode ser mantido online, por exemplo, criando um blog gratuito que só pode ser visualizado por você. Quando é salvo on-line, não há risco de perder as informações coletadas ao longo do tempo. Os logs são mantidos com segurança na nuvem online. Todos os livros que o profissional utiliza também podem ser armazenados digitalmente, o que é muito útil para quem usa um Kindle ou tablet. Em essência, toda a biblioteca que você construiu digitalmente pode ser carregada com você onde quer que você vá. Acho que isso é pessoalmente muito útil. É claro que existem poucas coisas tão bonitas quanto ter o livro real, no entanto, isso é impraticável para quem viaja muito, por exemplo.


Digitação automática

Em segundo lugar, vamos dar uma olhada na digitação automática. Agora, a escrita automática é uma forma muito antiga de canalizar as inteligências interna e externa em comunhão com o praticante. Ao contrário de uma forma de posse, o praticante simplesmente cede uma parte, não totalmente, ao que está sendo canalizado e, em vez de ter uma caneta e papel à mão, um teclado é usado e as mensagens são recebidas através da digitação. Obviamente, essa não é uma tarefa fácil para um iniciante; no entanto, como em todos os métodos e forças, ela se tornará mais poderosa ao longo do tempo quando praticada. Como Ian Stevenson em "Some Comments on Automatic Writing" afirma no The Journal of the American Society for Psychical Research vol. 72. 'O termo “escrita automática” é usado para designar a escrita que é feita sem que o escritor tenha consciência do que está escrevendo, ou mesmo (ocasionalmente) do ato de escrever.' Esta é uma forma de canalização e se uma através da escrita, arte ou digitação, a força permanece a mesma, enquanto o instrumento pode diferir.


Divinação

Divinação através da tecnomancia pode estar relacionada a outras formas de adivinhação, como a bibliomancia. A bibliomancia envolve o uso de livros, onde o praticante parece ser intuitivamente guiado a uma determinada frase em um livro. Esta frase é então interpretada e relacionada à situação adivinhada. Novamente, a intuição pessoal do praticante ou 'orientação superior' é utilizada para orientação e interpretação. Isso acontece acidentalmente na ocasião, onde a frase ou número revela informações valiosas sobre temas que se desenvolveram na vida de alguém por um período de tempo. No sentido tecnomágicko, essa orientação intuitiva permanece, enquanto o meio muda para a Internet. E como uma variedade de livros, artigos, vídeos e muito mais está acessível na Internet, existe uma variedade de possibilidades. Isso requer prática, no entanto, o desenvolvimento da intuição como um sentimento de "conhecimento", por falta de palavras melhores, é a chave para qualquer forma de divinação.


Feitiçaria Digital

A Feitiçaria Digital pode vir em uma variedade de formas úteis, no entanto, como em todos os lançamentos de magias, a possibilidade é ilimitada e pode ser projetada por cada profissional. É uma prática contínua que irá revelar cada vez mais formas de utilização. Por exemplo, um feitiço que funciona como um ímã para as pessoas apropriadas encontrarem um determinado site, artigo etc. pode ser lançado. Ou, um feitiço pode ser lançado especificamente projetado para encontrar algo específico, como um item ou pessoa que possa ajudá-lo da maneira que você deseja. Assim, qualquer feitiço pode ser lançado no mundo digital, como seria em qualquer outra coisa. Por outro lado, o digital pode auxiliar no lançamento de feitiços, em sua forma básica, usando-o como seu livro das sombras ao realizar um ritual ou lançar um feitiço. Ou tocando a música aplicável, som hipnótico ou mantra desejado para o humor ou o objetivo do feitiço. Esse valor não pode ser subestimado, pois uma infinidade de músicas, produzindo frequências e harmonias apropriadas, são facilmente acessíveis para uso pessoal e até projetadas para fins específicos.


Sigilos e Símbolos

Símbolos e sigilos podem ser usados simplesmente colocando-os em locais específicos que outras pessoas online podem ver, de forma escondida ou um pouco disfarçada, como em um site, avatar de perfil, site de arte, assinatura digital, etc. ferramenta útil, pois sigilos e símbolos podem ser usados para diversos propósitos. Por exemplo, pode ser um símbolo de proteção, atração, cura ou qualquer outra função que o praticante desejar. A presença constante do sigilo servirá continuamente à sua função. O objetivo pode até ser evocar uma certa emoção ou pensamento subconscientemente para aqueles que a veem. Novamente, o criador do símbolo ou sigilo determina sua função e, portanto, pode ser projetado e aplicado de forma criativa de várias maneiras. Enquanto a energia e as etapas apropriadas forem para o fortalecimento do sigilo ou símbolo.


Ritual Global

A interconectividade global das pessoas é praticamente instantânea com a estrutura moderna da Internet. A partir dessa rede, vemos claramente todas as maneiras de místicos, magos, bruxas, feiticeiros, monges, druidas e todo o resto se conectando globalmente entre si. Eles compartilham suas ideias, vontade e sabedoria, tanto em grupos organizados quanto em praticantes soltos. Com essa interconectividade, esses profissionais são capazes de encontrar a comunidade e o conhecimento que procuram de todos os tipos de pessoas. Um feitiço ou ritual de grupo pode ser lançado por pessoas separadas por grandes distâncias, portanto, cada participante não precisa estar no mesmo local, desde que o ritual ainda seja realizado coletivamente. Muitos místicos podem argumentar contra a ideia de não compartilhar o mesmo espaço ao realizar o ritual e, desde que seja mais limitador do ritual, no entanto, ainda é um grande avanço na minha opinião. Os praticantes solitários que não querem fazer parte de uma seita ou escola em particular são capazes de conectar e realizar os ritos que desejam. Meditações, orações, rituais etc. mais organizados podem ser enviados à rede para tentar ter um grande número de pessoas lançando o mesmo feitiço ou produzindo a mesma intenção, se concordarem.


Conclusão

Estamos entrando em um novo paradigma de interconectividade global e informações através do uso de tecnologia e internet. Junto com essa mudança, a base de conhecimento e a oportunidade de aprender sobre as forças usadas na magia cresceram exponencialmente. Proporciona liberdade de pensamento e expressão a todos os indivíduos com espírito mágicko e, portanto, evoluiu rapidamente. As próprias ferramentas que usamos para esta potência de informações e conexões podem ser usadas para fins mágicos que não estavam presentes no passado próximo. Isso criou o novo paradigma da tecnomagia, com diversos e muitos métodos e possibilidades inexplorados. É uma pena que alguns desaprovem o uso mútuo da tecnologia e da magia, afirmando que os dois podem não ser reconciliados. No entanto, talvez essa mentalidade em relação à magia esteja ultrapassada? Talvez seja necessária a liberdade de arte e de informação espiritual quando entramos na "Nova Era".

© 2020

Arte, Magia & Liberdade 

Criado por Lua Valentia 

  • clube de autores
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
  • SoundCloud ícone social
  • Spotify ícone social